6.12.08

Poema de Guilherme Mansur - Coração Barroco

4 comentários:

Rubens da Cunha disse...

a Adriana me indicou teu blog, eu gostei muito das tuas experiências poéticas. Parabéns

guilherme mansur disse...

obrigado, rubens

o blog é do mestre bruno liberati

eu sou apenas um feliz convidado

saudações tipográficas

ze disse...

coração de barro não é coração de pedra; barro, quebra.

guilherme mansur disse...

pois é, ze.